Ansiedade e Pânico | Posso, Quero, Consigo

image

Enquanto ela caminhava em direção à faixa de pedestres focando o outro lado da rua e o banco, seu destino, as mãos suavam, a respiração ofegava e o coração tamborilava tal qual bateria de escola de samba. Inspirou, expirou, fechou, abriu os olhos e quando o semáforo abriu,  seguiu adiante mentalizando: eu posso, eu quero, eu consigo!

Beth Vieira

Anúncios